sete dias sem medo da notícia
PSD dá ultimato aos deputados infiéis e pedirá mandatos à Justiça Eleitoral
Por : Redação CN7
12/06/17 17:03

A Comissão Executiva Estadual do PSD decidiu, nesta segunda-feira (12), pela recondução imediata do deputado estadual Leonardo Araújo (PMDB) à liderança do bloco PMDB/PMB/PSD na Assembleia Legislativa, assim como pela reintegração do parlamentar à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Pela decisão, Leonardo Araújo retomaria ainda a relatoria da PEC da extinção do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). A medida foi assinada pelo presidente estadual do PSD, Domingos Neto, em caráter irrevogável e deve ser cumprida imediatamente, mediante notificação à liderança do partido e aos demais parlamentares da legenda.

Foram notificados os deputados estaduais Osmar Baquit, Roberto Mesquita e Gony Arruda. A decisão está fundamentada no artigo 58 do estatuto do PSD. O não acatamento da deliberação partidária, poderá acarretar em perda dos mandatos eletivos dos deputados infiéis.

Traição

Na última sexta-feira (9), a deputada estadual Drª Silvana (PMDB) assumiu a liderança do bloco PMDB/PSD/PMB em uma jogada política do grupo capitaneado pelos Ferreira Gomes para enfraquecer a oposição na Casa. Na liderança, a parlamentar tirou a relatoria da PEC das mãos de Leonardo e passou para o governista Osmar Baquit. Além de lançar Agenor Neto, outro defensor dos FGs, no lugar de Odilon Aguiar na Comissão de Orçamento Finanças e Tributação (COFT).

 

LINKS PATROCINADOS